A indústria de telecomunicações está atualmente deslocando-se para sistemas all-IP, impulsionada pela necessidade fundamental de reduzir custos, criar novos serviços geradores de receita e proteger o modelo de negócios da operadora. Serviço de entrega all-IP é a meta tanto para comunicações fixas quanto móveis, tanto nos domínios da operadora quanto empresa: os benefícios em termos de criação de serviço, integração e redução de custos. IMS – Subsistema Multimídia IP está definido por 3GPP/3GPP2 como um novo ‘domínio’ core e de serviço que permite a convergência das tecnologias de dados, voz e rede sobre uma infra-estrutura baseada em IP. É a opção da operadora para controle e lógica de serviço para comunicação pessoa a pessoa baseada em pacote/IP. Para usuários, serviços baseados em IMS permitirão comunicações em vários modos – inclusive voz, texto, fotos e vídeo, ou qualquer combinação desses – de uma forma altamente pessoal e segura. IMS é projetado para preencher o vão entre a atual tecnologia tradicional de telecomunicações e a tecnologia de Internet que apenas maior largura de faixa não fornece. Isso permite que operadoras ofereçam serviços novos e inovadores que são esperados por acionistas e usuários finais.

Fonte: www.ericsson.com

Compartilhe:
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Facebook
  • Live
  • MySpace
  • Technorati
  • del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Digg
  • Sphinn
  • Mixx
  • Rec6
  • Reddit
  • Suggest to Techmeme via Twitter
  • Ping.fm
  • Socialogs
  • SphereIt
  • co.mments
  • DotNetKicks
  • Blogosphere News
  • LinkArena
  • Upnews
  • Google Bookmarks
  • Yahoo! Bookmarks
  • PDF
  • Print
  • email

Posts relacionados:

  1. IMS no Brasil
  2. IMS – Vídeo